Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

riscos_e_rabiscos

.

.

A Vingança Serve-se... no Prato!

 

 

 

Vocês, gaijas, preocupadas com a linha, com a saúde e o bem-estar, resolvem implementar um regime alimentar saudável e frugal nos vossos lares. Até porque o orçamento familiar começa a deixar de poder contemplar tratamentos de beleza e ao corpinho. Então ataquemos pelo lado mais saudável: pela boca.

 

À mesa só vão os cozidos e grelhados, as saladas, os legumes e a fruta como sobremesa. Aboliram as tentações, as bombas calóricas e os fritos. Isto é comida do século passado!

 

Nos primeiros tempos, a coisa é bem acolhida e o vosso gaijo até gosta muito da ideia. Depois começam os comentários “ah… hoje até comia uma arroz de tomate com um peixinho frito!”. Vocês ficam de nariz torcido mas não comentam.

 

No dia seguinte, o gajo volta a suspirar “ai que bem que me sabia uma feijoadinha agora…”! Acesso de raiva número um!“Tenho tantas saudades das tuas favas com chouriço!” segreda-vos ele ao vosso ouvido, acompanhado de um beijo molhado e peganhoso. Acesso de raiva número dois!Por fim, chega a proposta indecente acompanhado de um belo ramo de flores: “olha lá, não queres fazer uma feijoada à transmontana para sábado? Eu até vou contigo às compras…” Acesso de raiva número três!

 

Ai não te agrada a comida, é? Estás armado em esquisitinho? Então não esperes pela demora…Pegam num bloco, num lápis e na vossa imaginação fértil e elaboram uma ementa para os próximos tempos. Amor com amor se paga!!!

Ora veja, lá…

 

EMENTA 

Segunda-feira

Almoço: Cozido à Portuguesa

Jantar: Grão com Carne 

Terça-feira

Almoço: Migas com Carne de Porco à Alentejana

Jantar: Pataniscas com Arroz de Feijão

Quarta-feira

Almoço: Feijoada à Transmontana

Jantar: Puré de Castanhas com Lombo de Cebolada

Quinta-feira

Almoço: Dobrada à Portuguesa

Jantar: Ervilhas com Chouriço e Ovos Escalfados 

Sexta-feira

Almoço: Rancho à Portuguesa

Jantar: Puré de Feijão com Salsichas Enroladas em Couve

Sábado

Almoço: Feijoada de Marisco

Jantar: Chispe com Feijão Branco

Domingo

Almoço: Favas com Chouriço

Jantar: Feijão com Bacalhau e Couve

 

 

A esta ementa leve e deliciosa, resta apenas acrescentar umas recomendações: usar mola no nariz e usos de tampões auriculares durante a semana. É que a poluição atmosférica e sonora caseira vai aumentar consideravelmente.

Este post é patrocinado por desodorizantes do ar e ambientadores Ai-k-cheirinho-a-cheirete (à venda em todos os supermercados VIP).

 

Sapo no Forno à Moda da Pessoinha

                                               

 

 

Ingredientes:

 
- 1 sapo verde, gordo e preguiçoso
- 1 mão cheia de tansos da espécie bloguista
- 2 tomates para dar coragem
- 1 cabeça de alho (para mandar…)
- 1 pitada de  sal para temperar olhos
- pimenta forte para pôr na língua
- manteiga para deixar a pele crocante
- 2 limões bem ácidos para arder bastante
- ervas aromáticas de paciência para polvilhar
 
Preparação:
 
Pegue estrangule no sapo e coloque-o num tabuleiro para ir ao forno a uma temperatura infernal. Tempere o sapo com bastante sal nos olhos, bastante pimenta na língua e sumo de limão q.b. por todo o corpo não esquecendo a zona dos olhos, nariz e boca. Mande o sapo para o alho, depois de retirar as peles da cabeça. Deixe a marinar durante 24 horas.
Ligue o forno com antecedência para atingir uma temperatura infernal. Pegue no tabuleiro onde tem o sapo a marinar e coloque um limão bem grande no orifício rabal do sapo. Esfregue todo o sapo com manteiga para assar bem e ficar com queimaduras de terceiro grau ficar estaladiço. Por fim, pegue nos dois tomates, acerte  coloque em zonas estratégias para lhe dar algum gosto de vingança.
De seguida, coloque no forno. O sapo estará pronto quando gritar socorro a pele estiver bem tostada.
Para finalização do prato, sirva polvilhado de ervas aromáticas de paciência, acompanhado de uma mão cheia de tansos bloguistas. Bom proveito!